ISF-Dicas & Experiências  
   
   
  Por:EGLAER Em 25/07/2016

ANDANDO NA CHUVA
 
   
   
  (procure andar sempre com roupa de chuva apropriada)

Início da chuva é uma das horas de maior acidentes, pois a quantidade de água ainda não foi suficiente para lavar a pista, e ao se misturar com resíduos de óleo e poeira forma -se uma " borra " muito escorregadia.



NA CIDADE

Evite o canto interno das curvas, onde acumula sujeira da chuva, bem como óleo na pista, tornando lisa e sujeito a derrapagem



POSSAS D´ÁGUA

Evite-as pois podem ser profundas, e também podem provocar aguaplan (perda de aderência entre os pneus e a pista)



NA PISTA DE ROLAGEM:

Na cidade e estrada, procure andar onde passa os pneus do veículo (procurando andar sobre os trilhos de veículos pequenos, pois podem evitar o aguaplan, buracos e obstáculos a frente),isto vale também para a pista seca.



Na chuva com a pista molhada, suspeita de areia ou óleo, ao fazer curvas evite deitar a moto. Saia levemente do banco, compensando a inclinação da moto.



Tenha mais cuidado nos primeiros momentos da chuva, conforme a sua intensidade, até lavar a pista, tirando a poeira, lama, óleo, etc....

CALIBRAGEM DOS PNEUS

Diminua a calibragem dos pneus (até menos 3 (tres) libras), pois terá mais borracha em contato com a pista, aumentando a aderência

(OBS) Calibrar normalmente os pneus após a chuva)

FREIAR NA CHUVA

Freie com calma, pois os discos molhados secam rápidos e podem "alicatar", causando o tombo. Procure freiar ambas as rodas, com calma e cuidado, para não bloquear as rodas ou não derrapar.


OBSERVAÇÃO IMPORTANTE:

Muitos motociclistas evitam viajar na chuva por diversos motivos, entretanto, viajar na chuva depende sempre de um pouco mais de calma e tranquilidade,
observando as regras de segurança. Muitas vezes,não sai de casa porque está chovendo,mas se esquece que poderá pegar chuva a 20, 50 ou
100 km
após a saída,então qual a diferença que faz sair com chuva???? Que a
chuva não seja empecilho para viajar, mas esteja preparado para ela. Evite andar com os pés molhados, para não esfriar o corpo, e coloque sacos plásticos (de preferência de super mercado por cima da meia, e
após coloque as botas, estas poderão molhar, mas os pés e o corpo permanecem na temperatura normal(ambiente). Não coloque o saco plastico por cima da bota, pois pode escorregar, especialmente nas paradas ou saídas,

Danificando a carenagem ou pequenas lesões corporais. Utilize e vista a roupa de chuva (que deverá estar em local de fácil acesso,preferencialmente em cima da carga) enquanto a roupa que estiver viajando esteja seca. Independente de ter sol ou não, quando for fazer um passeio, leve a roupa
de chuva. Havendo muito frio, ou vento, utilize a roupa
de chuva, independente de estar chovendo, o motociclista ficará mais protegido, e mantém o calor do corpo.
 
   
   
  Por:DIEGUITO Em 22/07/2016

13 Ensinamentos para as Garupas
 
   
   
  Muitas surpresas estão à espera daquelas que sem planejar acabam se tornando namoradas de motociclistas. E nem estou falando sobre velocidade, adrenalina, perigos ou todas aquelas coisas que nossos pais usam como justificativa para nos proibir de andar de moto quando somos mais novas.

Me refiro à descoberta de um mundo que poucas namoradas têm acesso, que é um mundo de extremo companheirismo e uma segurança diferente, que somente quem vive essa experiência é capaz de sentir.

Dedico esse texto à todas àquelas que ainda não tiveram o prazer de entender a importância da palavra “garupa” na vida de um motociclista. Também aquelas que compartilham do meu sentimento pois sabem do que estou falando ;)

1. Moto não é lugar de roupa curta
Nem pra ele, nem pra gente. Não é por questão de estética, mas sim de segurança. Por mais que esteja calor, é necessário usar roupas que protejam o corpo em caso de situações inesperadas que não dependem só da condução do motociclista. O ideal seria utilizar roupas próprias para viagens de motos, principalmente ao pegar estrada, mas, se não tiver, ao menos usar uma calça, bota e jaqueta que protejam o corpo.

2. Ele não prefere a moto
Assim como nós, ele quer ao lado dele uma pessoa parceira. E ser companheiro é estar junto do outro em tudo aquilo que o faz feliz. Tudo bem se a namorada não gosta de moto ou tem medo… Só não é justo proibí-lo de pilotar ou ficar emburrada quando ele sair sozinho. Afinal de contas, todos temos nossas paixões e queremos que o outro participe delas conosco.

3. “A felicidade se encontra nas coisas mais simples da Terra”
E não é que o Armandinho tinha razão? Em nosso caso, a gente se dá conta disso quando percebe que para viver uma boa aventura de moto não é necessário se produzir toda ou usar roupas da moda. Isto porque, aquela roupa de proteção e/ou de chuva vai fazer parte dos nossos “looks do dia” mais do que a gente imagina. O “onde” se torna mais importante do que o “como estamos vestidas”.

4. A gente acaba ganhando um “filho”
Calma, eu explico! Estou falando do capacete, que passa a ser companheiro fiel independente da ocasião. Mas a gente se acostuma com a presença dele inclusive em refeições de encontros românticos.

5. Esqueça os penteados
Simples assim. O capacete acaba com qualquer coisa bacana que a gente faz no cabelo. Mas pelo menos ficamos com um charme que é só nosso. Principalmente aos olhos dele. Hehe

6. Frescura não tem vez
Pelos motivos anteriormente citados, a gente aprende a levar uma vida mais leve e aproveitar as coisas que realmente importam. Longe do luxo e ostentação aprendemos a admirar as coisas como elas são.

7. É inevitável pesquisar sobre motos
Pois é, esse assunto pauta muitas das conversas do casal e ninguém gosta de estar por fora de um assunto que agrada a pessoa que a gente ama, né?! Além disso, por muitas vezes somos companhia para assistir aquele “motovlog” que ele tanto gosta.

8. Uma moto une as pessoas
Simplesmente porque a segurança dos dois depende da harmonia que precisa rolar a cada curva. Mesmo estando brava com ele por algum motivo, a gente acaba se rendendo à sintonia que o momento pede.

9. É preciso aprender a driblar o sono
Principalmente para aquelas que, como eu, só de pegar uma estrada boa, numa velocidade constante por muito tempo, os olhos já começam a fechar… Dica: Cantar uma música ajuda, rs.

10. Capacete pode ser sinônimo de reconhecimento
Se quando o assunto é Playstation, dar o play 1 para a pessoa amada é prova de amor, no mundo das motos, sortuda é quem anda com o melhor capacete, geralmente o do namorado, que gentilmente cede pra gente como demonstração de reconhecimento e cuidado.

11. Ser garupa numa custom é para as fortes!
Já diz o velho ditado: “tudo tem seu preço”. No caso de uma custom, a beleza e estilo da moto escondem a dureza e desconforto que é ser garupa por muito tempo. De vez em quando é necessário dar uma ajeitadinha no corpo para relaxar os músculos, mas nada que um bom descanso depois não resolva! (Se pedir com jeitinho, ele faz uma pausa para esticarmos as pernas)

12. Eles não esperam que nos tornemos pilotas de moto
Não é preciso ficar encucada achando que o namorado espera que a gente se torne motociclista e compre nossa própria moto para o rolê ficar mais interessante. É claro que seria bacana se isso acontecesse, mas, o que importa mesmo é o valor que eles dão por ter uma garupa parceira!

13. A gente descobre uma nova paixão
A menos que haja traumas ou um medo absurdo de andar de moto, a gente se apaixona pelo prazer e sensação de liberdade que um passeio de moto proporciona. O fato de vivenciar isso coladinha nele deixa tudo mais gostoso!

Autor: Jaqueline Ribeiro
 
   
   
  Por:EGLAER Em 21/07/2016

DICAS PILOTAGEM NA CIDADE
 
   
   
  Atenção companheiros Motociclistas leiam com atenção

1º - Estas dicas foram elaboradas para você motociclista, pilote com a máxima segurança.

2º - Em pistas rápidas, onde os veículos trafegam acima da velocidade permitida, mantenha - se na faixa da direita para a sua maior segurança caso você esteja numa velocidade inferior a dos outros veículos. Facilite as ultrapassagens. Neste caso, tente não pilotar em velocidade baixa, mantenha o máximo indicado na via, ou compatível com sua segurança, respeitando sempre a segurança.

3º - Mantenha o farol baixo sempre ligado, mesmo de dia, mas bem regulado, para não atrapalhar a visão dos outros veículos. Como a motocicleta é um veículo pequeno, isso ajudará os outros veículos a lhe notar no trânsito, aumentando a sua segurança.

4º - Início da chuva é uma das horas de maior acidentes, pois a quantidade de água ainda não foi suficiente para lavar a pista, e ao se misturar com resíduos de óleo e poeira forma -se uma " borra " muito escorregadia.

5º Quando o trânsito estiver parado, preste atenção nos pedestres que atravessam a pista fora da faixa de segurança.

6º - Em congestionamento é essencial para sua segurança manter a prudência e a velocidade baixa, trafegando no máximo a 20 Km/h, pois com esta velocidade é possível ter reflexos mais rápidos para quaisquer imprevisto que possam surgir.

7º - No trânsito sobrecarregado redobre a atenção e diminua a velocidade, pois os automóveis podem mudar de faixa sem prévia sinalização.

8º - A " confiança " pode levar a um acidente. Nunca deixe de estar atento ao pilotar sua motocicleta até chegar ao seu destino, mantendo sua postura e memorizando o trajeto a seguir.

9º - Sempre permaneça em local visível aos motoristas. trafegar do lado esquerdo mantendo distância do automóvel a sua frente é ideal.

10º - Ao trafegar por vias onde os veículos estão estacionados ou ônibus parados no ponto, diminua a velocidade prestando muita atenção pois pedestres podem aparecer inesperadamente para atravessar a rua.

11º - mantenha distância, se possível, evite trafegar atrás de veículos altos, tais como furgões, ônibus e caminhões que não permitem ver o que acontece à frente.

12º - Nunca se envolva em discussões no trânsito.

13º - O capacete é um equipamento necessário e muito importante para a sua segurança. Use sempre cores claras e nunca deixe de prendê -lo. No caso de capacete aberto, use óculos de proteção.

14º - A motocicleta sempre deve estar em boas condições para trafegar, para sua própria segurança : parte elétrica, mecânica e pneus sempre em ordem. Faça uma inspeção periódica toda vez que for sair com sua motocicleta.

OBS: Quando for sair de moto tenha responsabilidade, e se for levar alguem em sua garupa, tenha o dobro de atenção, pois a vida da outra pessoa esta em suas mãos !

Dicas para uma pilotagem melhor !!!
--> Pilotando entre corredores de carros ou no momento de uma ultrapassagem, faça com que o motorista a sua frente enxergue você e saiba o que pretende fazer. Posicione de maneira a enxergar o rosto do motorista.

--> Em caso de pista molhada, utilize as marcas deixadas pelos pneus dos carros. Nestas marcas a quantidade de água no asfasto é menor e a aderência do pneu melhora.

--> Na chuva com a pista molhada, suspeita de areia ou óleo, ao fazer curvas evite deitar a moto. Saia levemente do banco, compensando a inclinação da moto.

--> Na chuva, cuidado com poças de água. Podem esconder buracos ou pedras. Diminua a velocidade e evite passar sobre elas.

Ao se deparar com um obstáculo (como buraco ou lombadas) em alta velocidade, procure freiar até próximo do mesmo, mas transponha o obstáculo com os freios soltos, deixando para freiar após o obstáculo. O impacto do obstáculo com as rodas presas é maior.

--> Ao trafegar em corredores de carros parados, cuidado com pedestre atravessando em meio aos carros. Diminua a velocidade.

--> Alguns motoristas geralmente dão passagem as motos. Agradeça o gesto.

Em pistas ou ruas de mão duplas, evite ultrapassar em meio ao corredor. Só ultrapasse se tiver certeza que o veículo a sua frente não irá virar a esquerda e irá deixar você realizar a ultrapassagem. Dê preferência quando a fila diminuir a velocidade (em uma lombada ou sinal por exemplo).

 
   
   
  Por:EGLAER Em 19/07/2016

DICAS DE VIAGEM - Preparação de Bagagem
 
   
   
  Preparação da Bagagem
======================

Como preparar a minha bagagem, o que levar, dicas interessantes por quem tem o pé na estrada.

1.Planejamento
Como sempre o planejamento antecipado é fundamental numa viagem de moto, assim sendo arrumar as malas também é um item importante do seu planejamento.

2.Onde levar a Bagagem
Antes de sugerirmos como arrumar as suas coisas, vamos abordar um assunto muito importante, onde levar a bagagem! Em primeiro lugar a segurança, assim a sua bagagem deverá ser distribuída e adequadamente presa na moto, para que esta não se torne um problema. Nas viagens longas a bagagem deverá ser colocada em alforges, malas laterais, top cases, malas de tanques ou até amarrada na moto, nunca jamais em mochilas nas costas, na sua ou da sua garupa. A mochila nas costas após 200 Km vira uma verdadeira mala sem alça, para você ou a sua garupa, vai chegar num ponto que da vontade de jogar a mochila longe e doar todas as suas roupas, sem contar nas dores e desconforto que proporciona a mochila. Conforto em viagem é fundamental, pois se transforma em segurança também.

3.Garupa
Eu sempre digo, garupa sofre e sofre muito, assim aqui vai uma dica de quem foi garupa por anos seguidos, você que pilota e nunca teve a oportunidade de ser garupa, experimente um dia ser garupa, você vai ver o quanto ele sofre, é um verdadeiro filme de horror. Assim sendo para que a sua viagem não se torne um programa de "índio", respeite o limite físico e emocional da sua garupa, curta o prazer de ter alguém com você nestes momentos tão especiais, que é viajar de moto. Alias filosofando um pouco, posso dizer que sozinho se vai mais rápido, mas não tão longe! Se o garupa não estiver confortável e feliz com certeza a sua viagem não será tão proveitosa e muitas vezes você terá que dar ½ volta antes do tempo.

4.Bagagem
Bom depois deste desabafo, vamos ao que interessa, o que eu vou levar na minha viagem. Após tantas viagens, acho que consegui reunir experiência suficiente para poder dar uma mãozinha para vocês. Primeiramente passe numa loja de R$ 1,99 e compre pequenos frascos de plástico para colocar shampoo, protetor solar, sabão liquido de lavar roupas, pasta de dente. Não vale a pena você levar um tubo inteiro de pasta de dente se você só precisará de ¼ dele, o desodorante deve ser em pasta, para evitar vazamento (principalmente em locais altos. Agora você esta delirando, eu uso um shampoo ela outro, ela usa um tipo de desodorante e eu não abro mão do meu XXX, ah!!!! Meu amigo agora chegou a hora da verdade, alguém vai ter que abrir mão de alguma preferência para o outro, grande teste para o casal. Todo o espaço economizado na ida, volta cheio. Depois monte um kit básico farmacêutico, somente para as necessidades de estrada e remédios de seu uso cotidiano, se a viagem for para o exterior não deixe de incluir: ampicilina (dor de dente), antiinflamatórios e remédios de uso controlado, pois lá fora você terá de passar num médico para poder adquirir estes produtos. Depois é só completar com anti-térmicos, gaze, algodão, anti-séptico e esparadrapo. Um bom canivete, com ferramentas básicas, também é muito útil além das ferramentas da moto.

5.Lista de Roupas
Antes do mais nada a nossa sugestão de roupas é para que viaja de moto, não vai participar de nenhum concurso de modelo, e a lista abaixo é para um período de 7 dias.

Homem-
Calça Jeans –Bermuda ou Short – 4 Cuecas- 4 Meias
-2 Camisas Legais 4 Camisetas Básicas 1 Chinelo- 1 Tênis ou sapato

Mulher-
Calça Jeans – 4 – Calcinhas – 2 Sutiens - 4 Pares de Meia
- 1 Calça de Ginástica ou leg de lycra (Pode ser usado por baixo durante a viagem) 4 Camisetas Básicas- 2 Camisas ou blusa mais transadas
- 4 lenços para o pescoço ( cada dia você usa um diferente, parece que você mudou de roupa) 1 Bermuda – Sapato confortável –Sandália Baixa Toda a roupa deverá ser acondicionada em saco plástico, mesmo que a sua mala seja impermeável.